Melhore o desempenho da sua rede Powerline

Por 7 Outubro, 2019Notícias, Tutoriais e Dicas Tempo de leitura: 5 minutos

A comunicação sem fios depende da transmissão de ondas de rádio pelo ar. Já a comunicação Powerline é efetuada através de um meio físico – a cablagem de cobre que funciona como condutora de energia elétrica – para o transporte de dados. É por isso que os adaptadores Powerline fornecem uma ligação mais estável em longas distâncias sem perda de intensidade normalmente causada por obstáculos físicos e interferências de sinal. O Powerline expande e complementa a sua rede doméstica, alcançando pontos que um emissor Wi-Fi não consegue cobrir.

Tal como acontece nas redes sem fios, a comunicação Powerline tem os seus próprios padrões – tendo a TP-Link adotado o padrão HomePlug, desenvolvido pela HomePlug Powerline Alliance. Os adaptadores Powerline da TP-Link são baseados nos padrões HomePlug AV e HomePlug AV2, disponibilizando taxas de transmissão de dados mais elevadas e uma encriptação de dados segura.

Normalmente, a taxa máxima de sinal do Powerline é a taxa física derivada das especificações HomePlug AV e AV2. É importante perceber que esta taxa não representa a velocidade de navegação que poderá experimentar ao usar os seus dispositivos. Antes de mais há que compreender que a velocidade descrita neste padrão (AV600, por exemplo) representa a velocidade de comunicação entre nós powerline, existindo uma considerável diferença em relação à velocidade de navegação.

Discrepância esta que pode ser causada por diversos fatores:

  1. A porta que liga a unidade conectada ao router pode ser FastEthernet (100Mbps) ou Gigabit (1Gbps). No caso da primeira, a velocidade máxima de navegação será de 100Mbps, pelo que se o serviço contratado à operadora for mais rápido, deverá optar por um kit Powerline com portas Gigabit.
  2. O ambiente onde é usado o Powerline, a qualidade dos cabos de eletricidade e a interferência causada por outros aparelhos são, também, três bons exemplos de fatores limitativos.
  3. A instalação elétrica ser monofásica ou trifásica tem grande relevância uma vez que a passagem de informação entre fases (instalação trifásica) implica perda de velocidade na comunicação entre nós.
  4. A qualidade da instalação elétrica.

A boa notícia é que, com alguns ajustes simples, pode melhorar facilmente o desempenho de uma rede Powerline. Poderá experimentar seguir os seguintes passos para melhorar a sua qualidade de serviço

  • Evite interferências de dispositivos elétricos próximos

Qualquer dispositivo que estiver a ser carregado cria sinais de ruído no circuito da linha de energia, que podem assim interferir na comunicação Powerline – especialmente se próximos de um dos nós. Se o seu adaptador Powerline estiver a funcionar perto de um carregador ou transformador, será mais difícil receber sinais de dados. E se tiver outros aparelhos ligados, nomeadamente secadores de cabelo, aspiradores ou ventoinhas, pode verificar dificuldades de comunicação semelhantes.

Para o evitar, reposicione os adaptadores Powerline longe desses dispositivos ou ligue todos esses carregadores e transformadores a uma régua com proteção contra picos de tensão

  • Ligue os adaptadores Powerline diretamente nas tomadas

A TP-Link recomenda que ligue os adaptadores Powerline diretamente às tomadas na parede, em vez de o fazer em protetores contra sobretensão ou réguas de tomadas/fichas triplas. Os adaptadores Powerline distinguem os sinais de dados dos sinais de corrente enquanto ambos são transmitidos através dos circuitos. Já os protetores contra picos de tensão identificam os sinais de dados em frequências mais elevadas como ruído e tentam por isso limpá-lo, modulando o sinal elétrico – o que não é uma boa notícia no caso das redes Powerline.

Da mesma forma os UPS modulam o sinal, impedindo que os adaptadores Powerline comuniquem entre si.

  • Solicite a verificação da instalação elétrica

Em casos extremos, por vezes a velocidade de comunicação entre adaptadores Powerline é baixa, sendo difícil perceber a razão. No entanto, com frequência verifica-se que a qualidade das instalações elétricas não é a melhor, impactando grandemente as velocidades verificadas. Ou porque a instalação é antiga, ou porque a cablagem de cobre está danificada, os adaptadores Powerline comunicam entre si com grande dificuldade sem que seja compreensível a razão numa primeira análise.

Este tipo de situações verifica-se com maior frequência em casas antigas e, nestes casos, apenas a intervenção de um eletricista profissional permitirá detetar e corrigir a anomalia.

  • Coloque os adaptadores Powerline a uma distância adequada

Certifique-se que a distância entre os adaptadores não é demasiado longa. Em teoria, a distância máxima de cablagem elétrica que permite comunicação é de 300 metros. No entanto, e com a interferência e a qualidade do cabo de cobre, será difícil alcançar estes 300 metros completos. Tendo em conta a distância máxima anunciada e a cablagem instalada em sua casa, coloque os adaptadores Powerline a uma distância que considere adequada.

  • Uniformize a sua rede Powerline doméstica

Embora os adaptadores quem obedecem ao padrão HomePlug AV apresentem uma boa compatibilidade e assim funcionem adequadamente, a velocidade máxima em toda a rede Powerline é determinada pelo elo mais fraco.

Ou seja: se tiver dois adaptadores Powerline com velocidades diferentes – digamos um AV1300 e outro AV600 –, a melhor taxa que a sua rede Powerline (comunicação entre nós) poderá atingir será a mais lenta, que é neste caso de 600Mbps. É por isso que deve instalar e combinar adaptadores com características iguais ou semelhantes, e assim criar uma rede Powerline uniforme.

Comentar artigo