Preciso de uma rede Mesh Wi-Fi?

Por 19 Junho, 2019Tutoriais e Dicas Tempo de leitura: 3 minutos

Numa rede doméstica tradicional um router é, essencialmente, utilizado para conectar à internet e gerar a rede sem fios. No entanto, dependendo das características do local e das capacidades do router, a rede Wi-Fi nem sempre apresenta cobertura para toda a casa. Por vezes são necessários um ou mais pontos de acesso (como extensores de rede ou adaptadores powerline) conectados ao router para aumentar a cobertura da rede wireless. O principal problema? Cada dispositivo forma uma rede separada, com diferentes definições Wi-Fi.

Numa rede Mesh Wi-Fi, os diferentes pontos de acesso funcionam em conjunto, formando uma rede única. Esta rede unificada partilha as configurações Wi-Fi, incluindo o nome (SSID), password e definições de controlo de acesso, entre outras. Este tipo de configuração do sistema Wi-Fi melhora consideravelmente a cobertura wireless em toda a casa.

Em comparação a uma rede com um router, a rede Mesh Wi-Fi usa vários pontos de acesso para cobrir cada canto da sua casa. Desta forma, é sempre disponibilizada uma ligação estável, independentemente da localização do utilizador.
Entre outros benefícios das redes Mesh Wi-Fi, destaque para:

Roaming sem falhas

Os dispositivos Mesh partilham o mesmo nome e palavra-chave da rede sem fios, suportando a norma IEEE 802.11k/v. Assim, é garantida uma experiência de roaming entre equipamentos sem qualquer falha. Alguns equipamentos Mesh suportam ainda a norma 802.11r, conferindo um roaming mais rápido entre pontos de acesso. Desta forma, o smartphone ou tablet liga-se ao dispositivo Mesh mais rápido, conforme o utilizador se desloca pela casa. A mudança de um dispositivo Mesh para outro é célere e o utilizador não nota essa alteração, até mesmo em streaming.

Velocidade e fiabilidade

Numa rede Wi-Fi unificada, a tecnologia Mesh escolhe o ponto de acesso e a banda com o sinal mais forte de forma dinâmica. Assim, os dados são transferidos à maior velocidade disponível, independentemente de onde o utilizador se encontre. Se um dos dispositivos Mesh ficar indisponível, o sistema irá automaticamente reencaminhar a transmissão de dados através de outro dispositivo, garantido uma ligação constante. Este cenário deve-se à tecnologia APS (Adaptive Path Selection), incorporada nas soluções OneMesh.

Configuração rápida e gestão centralizada

A configuração de um router mesh e restantes dispositivos mesh não pode ser mais fácil. Cada equipamento adicionado irá copiar as definições Wi-Fi automaticamente: entre elas o nome da rede (SSID), a password e as definições do controle de acesso. É depois possível, através do ponto central (o router principal), gerir todos os dispositivos da rede mesh. Este método de gestão permite poupar tempo, uma vez que não há a necessidade de repetir as configurações Wi-Fi em cada dispositivo ou gerir os clientes conectados a cada ponto de acesso.

A TP-Link disponibiliza duas soluções Mesh, adequadas a diferentes tipos de necessidades. Se o utilizador pretende adquirir um novo ecossistema Wi-Fi, os produtos Deco são a melhor escolha. O seu design contemporâneo ajusta-se a qualquer casa, a configuração é extremamente fácil através da app Deco e a rede fica totalmente funcional em poucos minutos.

Se todavia o objetivo é aproveitar os equipamentos TP-Link já existentes na rede doméstica, então o utilizador pode aproveitar a ajuda da tecnologia OneMesh. As soluções OneMesh estão a chegar a toda a linha de produtos SOHO TP-Link através de uma simples atualização de firmware. Mais informações aqui.

Ricardo Preto Pacheco
Tech. Support TP-Link Portugal

Comentar artigo